Visita ao Projeto Fazendo-Rir

Eu, Andriele, membro-efetiva da ONG, fui visitar nesse último sábado, 2/10, o Projeto Fazendo-Rir com a minha afilhada da ONG, Marthina, que tinha interesse em conhecer a atividade e resolvi contar sobre essa experiência aqui no blog.

Para quem não sabe, esse projeto ocorre todos os sábados na ala pediátrica do HUSM, das 16 às 18 horas.

Fomos recebidas pela Priscila, diretora do núcleo de acompanhamento, que nos explicou como o projeto funciona. Também encontrei a Carla, que já era da ONG e os novos voluntários desse semestre: Bibiana, Julia, Liandra, Leandro e o Fernando

Começamos a ir aos quartos que podíamos ter acesso e nos apresentar para as crianças e responsáveis que estavam cuidando delas, deixando-as livre para escolher se desejavam brincar e que tipo de brincadeira seria realizada. Da mesma forma deixamo-as á vontade para decidir onde gostariam de brincar conosco, se na brinquedoteca ou ali mesmo onde nos encontrávamos.

Num quarto tinha uma menina que estava lendo uma revista, então, eu, a Marthina e a Liandra oferecemos livrinhos para ela escolher, fazendo com que ela se ocupasse com algo que gostasse mais.

Projeto Fazendo Rir

A Julia e o Leandro começaram a brincar com uma menina na brinquedoteca, ela mesma pediu os jogos de Quebra-cabeça, ela estava acompanhada de sua mãe, que comentou o quanto fazia bem essa atividade para a sua filha, que era muito nervosa, fazendo com que ocupasse seu tempo e se acalmasse.

A Julia também foi num quarto junto com a Bibiana conversarem com uma pré-adolescente, elas jogaram vários joguinhos, como o jogo da memória, a menina parecia feliz com a companhia das gurias.

Nesse mesmo quarto, encontrei um pai de um bebê que havia sido operado, ele me contou a estória dele e me surpreendi com o número de vezes que essa criança fez cirurgias. Também conversei com a mãe de um menino que havia se machucado, ela o levou na brinquedoteca e ofereci vários brinquedos para ele, mas o que ele mais gostava era de jogar bola.

Logo depois venho uma mãe com um bebê muito fofo, ela conversou com as gurias sobre ele ter Síndrome de Down, e a Carla que é fonoaudióloga deu dicas bem interessantes para ela e assim elas trocaram informações importantes para a criança.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s